???????

03.05.10

Na vida de que nos devemos arrepender?

 

Do que fizemos ou daquilo que não fizemos?

 

Decididamente não sei.....

 

Parece algo muito banal mas se pensarem melhor não é. Eis aqui uma questão filosófica para meditarem e me darem os v/ contributos......

publicado por lunamargarida às 18:48

o que sempre soube das mulheres, mas tive á mesma de perguntar

30.03.10

 

 

"Tratam-nos mal, mas querem que as tratemos bem. Apaixonam-se por serial-killers e depois queixam-se de que nem um postalinho. Escrevem que se desunham. Fingem acreditar nas nossas mentiras desde que te tenhamos graça a pregá-las. Aceitam-nos e toleram-nos porque se acham superiores. São superiores. Não têm o gene da violência, embora seja melhor não as provocarmos. Perdoam facilmente, mas nunca esquecem. Bebem cicuta ao pequeno-almoço e destilam mel ao jantar. Têm uma capacidade de entrega que até dói. São óptimas mães até que os filhos fazem 10 anos, depois perdem o norte. Pelam-se por jogos eróticos, mas com o sexo já depende. Têm dias. Têm noites. Conseguem ser tão calculistas e maldosas como qualquer homem, só que com muito mais nível. Inventaram o telemóvel ao volante. São corajosas e quando se lhes mete uma coisa na cabeça levam tudo à frente. Fazem-se de parvas porque o seguro morreu de velho e estão muito escaldadas. Fazem-se de inocentes e (milagre!) por esse acto de bondade tornam-se mesmo inocentes. Nunca perdem a capacidade de se deslumbrarem. Riem quando estão tristes, choram quando estão felizes. Não compreendem nada. Compreendem tudo. Sabem que o corpo é passageiro. Sabem que na viagem há que tratar bem o passageiro e que o amor é um bom fio condutor. Não são de confiança, mas até a mais infiel das mulheres é mais leal que o mais fiel dos homens. São tramadas. Comem-nos as papas na cabeça, mas depois levam-nos a colher à boca. A única coisa em nós que é para elas um mistério é a jantarada de amigos - elas quando jogam é para ganhar. E é tudo. Ah, não, há ainda mais uma coisa. Acreditam no Amor com A grande mas, para nossa sorte, contentam-se com pouco."



(Crónica de Rui Zink, professor e escritor, no jornal gratuito, O Metro. Publicada a 8/03/2010.)

publicado por lunamargarida às 23:45

AVATAR

01.03.10

 

 

 

 

 

 

 

 

Ontem fui ver o filme AVATAR. Confesso que fui ver porque dos filmes que se encontravam disponiveis para ver esse me pareceu ser a melhor escolha apesar que à partida não estar muito convicta. No fim da sessão confesso que estava bastante impressionada. O filme apesar de não ter uma história nova prima pela qualidade excepcional dos efeitos especiais.

Vale a pena ver este filme e preferencialmente numa sala de cinema em que possa visionar o filme em 3 D.

sinto-me: Satisfeita
publicado por lunamargarida às 21:06

mais sobre mim

pesquisar

 

Junho 2010

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

comentários recentes

favoritos

as minhas fotos

blogs SAPO


Universidade de Aveiro